Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Renovar o Porto (Gaia): Música de baile

Renovar o Porto (Gaia): Música de baile

HOJE NÃO É DIA DA LIBERDADE!

Um Nortenho, Portuense e Dragão sabe que ...
HOJE EM DIA VIVEMOS PIOR QUE ANTES DO 25 DE ABRIL
O COLONIALISMO É LISBOETA E ABATE-SE SOBRE O RESTO DO PAÍS
O CENTRALISMO É MUITO MAIS FEROZ
O TERREIRO DO PAÇO E OS BILTRES QUE PARA LÁ VÃO SÃO UNS VAMPIROS (SUGAM O SANGUE DO PAÍS E ESPETAM-NO NO CÚ DE LISBOA)
OS CAPITALISTAS TÊM OUTRO NOME: SÃO POLÍTICOS OPORTUNISTAS E CARREIRISTAS
LISBOA ROUBA AO PAÍS E ENGORDA, ENGORDA
A IMPRENSA NÃO É LIVRE E SÓ VÊ O PAÍS PELO BURACO DE LISBOA
HÁ RACISMO CONTRA O PORTO
HÁ PERSEGUIÇÃO AOS SÍMBOLOS, VALORES E HOMENS DO PORTO

Racismo dos comentadores da rádio

... ouvindo o relato Setubal-FCPorto, passando pelas 3 rádios, é uma vergonha a foma como relataram distintamente os golos do Porto e os golos do Setúbal, já para não falar da forma aborrecida como comentavam os lances do FCPorto, comparativamente com os do Setubal.
Uma vergonha esta espécie de gente...

PIDE e RICARDO COSTA: a mesma trampa

Pinto da Costa mais uma vez absolvido!
o CJ acusa a CD de pretender "condenar o Recorrente ao mais absoluto silêncio" e "amordaçar o arguido, impedindo-o de falar de futebol ou qualquer outro assunto". Algo que, na opinião do CJ, constitui uma "grosseira violação dos mais elementares direitos constitucionais".

Coca Cola

Deixem-me ver se entendo...

Deixem-me ver se entendo ...
Se atravessares a fronteira da Coreia do Norte ilegalmente, és condenado a 12 anos de trabalhos forçados.
Se atravessares a fronteira iraniana ilegalmente, és detido sem limite de prazo.
Se atravessares a fronteira afegã ilegalmente, és alvejado.
Se atravessares a fronteira da Arábia Saudita ilegalmente, serás preso.
Se atravessares a fronteira chinesa ilegalmente, nunca mais ninguémo uvirá falar de ti.
Se atravessares a fronteira venezuelana, serás considerado um espião eo teu destino está traçado.
Se atravessares a fronteira cubana ilegalmente, serás atirado para dentro de um navio para os E.U.A.
MAS ...
Se entrares por alguma fronteira da União Europeia ilegalmente, SERÁS OBRIGADO A TER:
Um abrigo ...
Um trabalho ...
Carta de Condução...
Cartão Europeu de Saúde...
Segurança Social ...
Crédito Familiar ...
Cartões de Crédito ...
Renda de casa subsidiada ou empréstimo bancário para a sua compra ...
Escolariedade gratuita ...
Serviço Nacional de Saúde gratuito ...
Um representante no Parlamento ...
Podes votar, e mesmo concorrer a um cargo público ...
Ou mesmo fundares o teu próprio partido político !
E por último, mas não menos importante, podes manifestar-te nas ruas eaté queimar a nossa bandeira, e: SE EU TE QUISER IMPEDIR, SEREI CONSIDERADO RACISTA ! ....... ...
SEM DÚVIDA QUE PARECE IRREAL, MAS É A MAIS PURA DAS VERDADES !!!

O médico do encornado Vieira

Será que a "excelente" perfomance dos jogadores encornados está relacionada com o desempenho do médico dos lampiões?
Como devem estar recordados, nos últimos anos, o presidente dos encornados estava "proíbido" de assisitir aos jogos, porque, dizia a "sua" imprensa, a respectiva saúde não o permitia. Este ano, finalmente, à semelhança da última e longínqua conquista (também essa conseguida com muito "colinho"), o líder dos encornados aparece em tudo o que é jogo, seja qual for a modalidade. Estará essa assídua presença relacionada com os "medicamentos" que os jogadores do plantel principal tomam, ou será que finalmente Vieira arranjou um médico decente? Respondam se souberem. Eu sei o que se passa: chama-se "só aparecer quando se ganha"... Cobardolas e oportunista. Mouro, portanto.

encornados em delírio, cortam estrada de benfica


A poeira não é vulcânica! É "encornada"!

Ao contrário daquilo que era suposto, o que impediu a concretização de milhares de voos afinal não teve origem no remoto vulcão escandinavo, mas sim na poeira ocasionada pelos cachecóis dos encornados, guardados há largos anos nas gavetas e que agora voltam a ver a luz do dia... Os encornados, ao agitarem freneticamente os dito cujos, provocaram uma das piores crises da aviação mundial. A naflatina e as traças são coisa perigosa...

Sempre alerta...

"Eu quero é o João" - encornado Orelhas dixit

João Moutinho, no final do jogo com os ENCORNADOS: o campo estava INCLINADO!

O capitão do Sporting mostrou-se muito agastado com o trabalho da equipa de arbitragem no «derby», acusando João Ferreira e os seus pares de dualidade de critérios a ponto de considerar que o campo esteve sempre inclinado. «Viemos fazer o nosso jogo, tentando uma vitória tal como acontece em todos os campos, mas o jogo resume-se aos dois minutos da segunda parte quando o Luisão tinha de levar cartão vermelho directo. Depois, com a sua qualidade, o Benfica teve a felicidade de fazer um golo, mas sempre com o campo inclinado, com faltas não assinaladas para o Sporting e cada toque num jogador adversário o árbitro a marcar», afirmou João Moutinho, em declarações prestadas na habitual flash interview no final do derby.«Tudo isso deixou a equipa do Sporting mais intranquila, mais para trás», atirou ainda o médio.
Nem de propósito, conhecendo aquela conversa telefónica que a procuradora fez de conta não exisitir, em que o presidente dos ENCORNADOS escolhia árbitros a seu bel prazer e na qual manifestava um enorme apreço pelo João Ferreira, árbitro desta noite, a bolha de hoje trazia à estampa a imagem acima e que só vem demonstrar que desde longa data os árbitros convivem com os ENCORNADOS.... Mais nada! Já agora, o nome do senhor árbitro dos encornados é Gastão Pinto Basto.

Páscoa: a renovação constante

Zeinal Bava: um perfeito centralista idiota

The piece of shit-ware
Shame on you

"Term-shit, fuck-share, lick it, private attitude, mono-play, dollar greenfield, mafia chairman, life controller, core (hard), spitware, crooks-target, free-lunch-you pay". Se o sr. Zeinal Bava tivesse utilizado estes termos, ninguém daria pela diferença. Como diz o Miguel, é a linguagem da plutocracia, perfeitamente entendida pelos Balsemões, Cavacos, Sampaios e respectivos aficionados.

Azul e Branco em Valença

A inépcia dos deputados eleitos pelos círculos nortenhos, a vergonhosa colonização lisboeta e o despojar do povo do Norte de serviços essenciais, como o SAP de Valença, levou a que, em desespero, alguns membros da Comissão de Utentes do SAP de Valença, andassem a industriar os munícipes, no sentido de hastearem a bandeira espanhola nas suas casas.

A persistirem na patetice espanhola, o descrédito será total e sinónimo de fracasso da luta. Pensem melhor e ajam em conformidade! Azul e branco nos mastros e já: se tiverem um pouco mais de paciência, ponderarão no assunto e poderão manifestar um sinal bem mais firme ao governo colonialista de Lisboa: façam apear a bandeira da carbonária e substituam-na pela Bandeira Nacional de Portugal, a Azul e Branca. Em Lisboa o efeito será devastador, especialmente se começarem por fazê-lo na Câmara Municipal de Valença. Aqueles balofos colonialistas lisboetas ficarão de imediato irritados e decerto reabrirão o SAP. Experimentem. Azul e Branco!

A denúncia no parlamento: separação de poderes

qualquer semelhança com o parlamento lisboeta da carbonária é simples, muito simples coincidência...

A propósito da roubalheira de Braga


Esta fotografia traduz de forma impecável o lodaçal em que navega o futebol português.
Começando pela direita encontramos Armando Vara administrador (auto-suspenso mas que continua a receber) do BCP
, antigo secretário de estado no MAI, co-fundador da FPS , fundador juntamente com Sócrates e Felgueiras para referir apenas os mais famosos da Sovenco, ex-administrador executivo do slb, e ultimamente catapultado para a actualidade noticiosa devido ao caso Uni e ao caso do Robalo Dourado, classificado pelo Sindicato dos Jornalistas como manipulador e traiçoeiro, teve um dos seus primeiros actos públicos como administrador da CGD para as grandes empresas o patrocínio do centro de estágios do slb.
Nessa inauguração encontrou Joaquim Oliveira eminência parda do futebol portugês, seu
amigo de longa data, nesta foto o terceiro ao fundo, a contar da direita.
Por fim temos Vieira a grande star do actual futebol português e também conhecido pela súbita riqueza, dizem as más línguas, transportada em pneus e de cor branca, o tal que disse um dia antes preferir ter alguém na liga de confiança, do que ter um bom avançado ! Arguido no caso
Mantorras, apanhado nas escutas do processo Apito Dourado a escolher árbitros para o slb, com o passado manchado de vários casos nebulosos e fraudulentos ligados á construção civil - Obriverca, suspeitas de tráfico de droga através de um esquema que envolvia motas de elevada cilindrada, cujos os pneus apenas faziam a viagem de ida para espanha, entre muitos outros casos menores igualmente mal explicados.
É esta a pandilha que está instalada e controla de forma directa e indirecta o futebol nacional! Mais nada!

A música da semana e a falta de lata...






"O Partido Socialista concorda com a decisão tomada pelo Governo de suspender o cônsul alemão na medida em que a honorabilidade do exercício das funções públicas deve ser insuspeita", disse hoje o deputado Ricardo Rodrigues.

E suspender o Sócrates, depois de tantos escândalos em que se viu envolvido? Nem uma palavrinha? São todos feitos da mesma trampa...

Coisas que valem a pena...



Da Alemanha

Via Radical Royalist, um texto chegado da Alemanha



Eine 6 x 4 Meter große blau-weiße monarchistische Flagge wurde letzten Freitag, den 26. März, an der höchsten Stelle des Parque Eduardo VII, mitten in Lissabon, im Morgengrauen, auf den Fahnenmast hochgezogen, an dem normalerweise die grün-rote Nationalflagge Portugals hängt.

Zu der Tat bekannte sich eine Gruppe, die sich „Carbonara – Movimento Monárquico para as Massas“ (dt.: Carbonara – Monarchistische Bewegung für die Massen) nennt, und die angibt, diese Tat begangen zu haben, um den Geburtstag des portugiesischen Thronfolgers, den 14jährigen Infanten Dom Afonso de Santa Maria de Herédia e Bragança, zu feiern.

Die Flagge wurde auf Halbmast gesetzt um, so eine anonyme Quelle, auf die „aktuelle katastrophale Lage der portugiesisch-republikanischen Nation“ hinzuweisen.
Sie wehte im Parque Eduardo VII, unweit des Marques de Pombal, bis um ca.12 Uhr.
Erst dann konnte die Lissabonner Feuerwehr einen Leiterwagen erübrigen, um mit seiner Hilfe die blau-weiße Flagge vom Mast herunterzunehmen.

Wie der Lissabonner Polizeichef André Gomes der Nachrichtenagentur LUSA mitteilte, wird gegen die „Carbonaras“ Strafanzeige erhoben werden, und der Fall dann dem Innenministerium (port.: Ministério Público) übergeben.
Es obliegt dann dem Innenministerium juristisch gegen diese Carbonara-Gruppe vorzugehen.

Da die portugiesische Staatsflagge über Nacht nicht am Fahnenmast hing, kann man nicht von einem Diebstahl von dieser reden, wie damals im letzten August, als Monarchisten die republikanische Nationalflagge gegen die blau-weiße Flagge der Monarchie im Lissabonner Rathaus tauschten (lesen sie hierzu auch meinen post „31 da Armada - Die Monarchie in Portugal lebt” vom 13. August 2009).


Auch von Sachbeschädigung kann nicht die Rede sein, da ja kein Schaden am Fahnenmast entstanden ist.

Aber das republikanische Portugal wird schon Gründe und Wege finden, nach jungen Männern zu suchen, die sich einen Spaß daraus machen, blau-weiße Flaggen zu hissen.
Natürlich machen sich königliche Fahnen im Jahre der 100-Jahresfeiern der Republik nicht gerade gut. Also wird mit aller Kraft gegen solche politischen Aktionen vorgegangen.

Ohne Zweifel ändern sich mit der Zeit die politischen Systeme, genauso wie die Fahnen.
Aber anscheinend ist es eine Tatsache dass es hier in Portugal genug Menschen gibt, die sich die Wiedereinführung der Monarchie vorstellen können, ja sich diese sogar wünschen.
Und solch eine Tatsache zu ignorieren ist nicht nur zutiefst undemokratisch, sondern auch politisch sehr unklug!

Dom Duarte Pio, der Thronprätendent Portugals wurde am Parque Eduardo VII gesichtet, als er den Feuerwehrmännern zusah, wie sie sich Mühe gaben, die Flagge vom Mast runterzuholen.
Er war zu keinem Interview bereit.
Aber sein breites Grinsen sprach Bände.

Adeus Guiné