Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

XX Congresso de Medicina Popular

vou a Vilar de Perdizes

vou a Vilar de Perdizes

vou a Vilar de Perdizes

VOU A VILAR DE PERDIZES

vou a Vilar de Perdizes

vou a Vilar de Perdizes

vou a Vilar de Perdizes

vou a Vilar de Perdizes

EU domínio



http://eu.accoona.com


I Can Only Imagine

I Can Only Imagine - Mercy Me




I can only imagine what it will be like

When i walk by your side

I can only imagine what my eyes will see

When your face is before me

I can only imagine I can only imagine

Surrounded by your glory

What will my heart feel?

Will i dance for you jesus?

Or in awe of you be still?

Will i stand in your presence?

Or to my knees will i fall? Will i sing hallelujah?

Will i be able to speak at all?

I can only imagine

I can only imagine

I can only imagine when that day comes

And i find myself standing in the son

I can only imagine when all i will do

Is forever, forever worship you

I can only imagine

I can only imagine

Café Snack Bar

Hoje queria ir a um café snack bar mas como não encontrei fui beber um caneco a outro lado.


Barreiras

Eis uma curiosidade para quem vai à Faculdade de Economia: reparem nesta placa numa saída do parque de estacionamento desta:

É só impressão minha ou há alguma coisa que não bate certo?

Faça a sua própria corrente

Aqui está uma ferramenta indispensável para qualquer pessoa...

é uma pobre menina que mora em . Ela tem , uma doença , que ainda não tem cura. Eu sou do dela.

Infelizmente nós não temos dinheiro, pois . Mas um amigo nosso, , disse-nos que a empresa onde ele trabalha, a estava a doar para cada que encaminhasse este e-mail para

Como? Machista EU??!

Para verem que eu não sou machista, fica aqui o que as mulheres dizem dos HOMENS...

1. Como se chama um homem inteligente, sensível e bonito?
R. Boato.
2. O que deve fazer uma mulher quando seu marido corre em zigue-zague pelo jardim?
R. Continuar a atirar.
3. Pesquisadoras descobriram por que Moisés ficou andando 40 anos no deserto com o povo de Israel
R. Um homem nunca pergunta o caminho.
4. Qual é a semelhança entre as nuvens e os homens?
R. Quando vão embora, o dia fica lindo.

5. Por que os homens não têm período de crise na idade madura?
R. Porque nunca saem da puberdade.
6. Qual é a definição de uma noitada romântica?
R. Sexo.
7. O que se diz de um homem que quer sexo no segundo encontro?
R. É particularmente lento.
8. Qual é o ponto comum entre os homens que frequentam bares para solteiros?
R. Todos eles são casados.
9. Como saber se um homem está mentindo?
R. Os seus lábios mexem-se.
10. Como um homem chama o amor verdadeiro?
R. Erecção.
11. Qual a semelhança entre o homem e o golfinho?
R. Dizem que ambos são inteligentes, mas nunca se provou.
12.Qual a semelhança entre os homens fieis e os dinossauros?
R. Ambos estão extintos.
13. Qual a semelhança entre o homem e o microondas?
R. Aquecem em 15 segundos.
14. Qual a semelhança entre o homem e o caracol?
R. Ambos têm chifres, babam e se arrastam. E ainda pensam que a casa é deles.
15. Por que não existe um homem inteligente, sensível e bonito ao mesmo tempo?
R. Porque seria mulher.
16. Antigamente, quando uma moça conhecia um rapaz gentil e educado perguntava logo se era solteiro...
R. Hoje, pergunta se é gay ... ou casado.
17. Qual a semelhança entre um homem e um pão de forma?
R. Ambos são quadrados, tem casca grossa e miolo mole.

Blog Day

Miguel Sousa Tavares

Os desmanchas-prazeres

Está escrito algures que os dirigentes do futebol português estão na modalidade não para a servirem mas para se servirem dela: para satisfazerem as suas vaidades pessoais, a sua sede de fama e protagonismo, facilitarem as suas oportunidades de negócios e conquistarem, através do futebol, uma acreditação social que os seus méritos não alcançavam por si. Ano após ano eles esforçam-se por reclamar para si todo o mediatismo, por se convencer de que são gente importante e respeitada, por insinuar, acusar no vazio, berrar e ameaçar, enfim, por tudo fazer para que o povo do futebol não possa viver tranquilamente apenas e só a alegria dos jogos. O futebol, para eles, é um campo de batalha onde se combate sem educação nem grandeza, onde vivem a acusar todos de banditismo, excepto eles próprios, onde tudo lhes é motivo de desconfiança, de insinuação, de calúnia, excepto as vitórias dos seus próprios clubes.

1 Ainda este Campeonato não tinha começado e já o presidente do Benfica o declarava «falseado». Apenas porque, contra a sua expectativa, o Benfica não foi integrado na direcção da Liga de clubes, tendo sido substituído pelo Sporting. Também o FC Porto ficou de fora, mas isso já não é motivo para desconfiar da seriedade do Campeonato — assim como não o era na anterior direcção da Liga, onde Porto e Sporting estavam de fora e o Benfica tinha representantes em todos os órgãos. Mas bastou que o novo presidente da Liga tivesse deixado de fora o Benfica e tanto ele como o próprio Campeonato passaram a estar sob suspeita.

2 A mesma coisa com o Nacional da Madeira, cujo presidente anunciou também a sua entusiástica adesão ao «projecto» e «ideias» da candidatura de Hermínio Loureiro. Mas, assim que descobriu que, em vez do Nacional, era o Marítimo que integrava a direcção de Hermínio Loureiro, adeus «projecto» e adeus «ideias», tudo passou a ser uma vigarice e uma ilegalidade súbita tão grande que o presidente do Nacional interpôs uma providência cautelar que suspendeu a tomada de posse da direcção eleita, mantendo-se em vigor a anterior direcção Boavista/Benfica.

3 O Gil Vicente ganhou em campo e pelos resultados obtidos, o direito a continuar na Superliga, em detrimento do Belenenses. Mas fez batota: utilizou um jogador que não podia segundo os regulamentos, fê-lo passar por profissional quando ainda tinha o estatuto de amador e, quando não conseguiu convencer a justiça desportiva da sua razão, recorreu aos tribunais comuns, fingindo que era o jogador a fazê-lo, para contornar a lei. Em todo o processo Mateus o Gil Vicente actuou sempre de má-fé, assessorado por bons advogados e fazendo tábua-rasa dos regulamentos, nacionais e internacionais, que vedam o acesso à justiça comum em casos de contencioso desportivo. Uma competição desportiva é uma associação livre de competidores: ninguém é obrigado a participar, aceitando as regras da competição; mas, se participa, tem de aceitar as regras em vigor. Sobretudo quando, como é o caso, essas regras foram feitas e aprovadas pelos clubes, como o Gil Vicente.

4 Sábado, através de uma providência cautelar no tribunal administrativo, o Gil Vicente quase conseguia suspender o Campeonato. Conseguiu apenas suspender os jogos em que ele, o Beleneneses e o Leixões (aparecido oportunistamente à última hora) participam. Embriagado pelo súbito poder e protagonismo conquistado, um tal de Fiúza, presidente do Gil, lançou-se então numa rábula patética de 48 horas non-stop de conferências de imprensa, entrevistas e comunicados, acabando por obrigar os jogadores a meterem-se no autocarro para vir a Lisboa apresentar-se no Estádio da Luz fechado, para a seguir desistir de se apresentar, anunciar que ia antes levar os jogadores ao Zoo de Lisboa e, finalmente, metê-los outra vez no autocarro e regressar a casa, 800 quilómetros feitos apenas para satisfazer a vaidade do sr. Fiúza. Brincou com a dignidade profissional dos jogadores, mas o que é pior é que, quando já não conseguir atrapalhar nem empatar mais os outros e quando, como é de esperar, o sr. Fiúza acabar irradiado do futebol e o Gil suspenso por vários anos, ele terá também brincado com o posto de trabalho dos seus jogadores.

5 Estava-se nesta trapalhada completa, num momento em que se requeria que o bom senso prevalecesse, quando o presidente do Benfica resolveu também ajudar à festa, anunciando que o Benfica iria entrar em campo para jogar contra o Gil, contra o Belenenses ou contra ambos, porque «o polvo também já chegou à organização dos jogos». Mas, surpreendentemente, no dia seguinte e através de um comunicado escrito num português indigno de alunos da 4ª classe, o Sport Lisboa e Benfica comunicava à nação que afinal já não jogava, porque se tratava de um clube «que sempre respeitou a lei e a verdade desportiva». E rematava ao estilo grandioso e autolaudatório que é o de Luís Filipe Vieira: «Percebe-se desta forma a razão pela qual o Sport Lisboa e Benfica e os seus dirigentes encetaram uma cruzada pela regeneração da Liga, que revela total incapacidade para dirigir os seus destinos». Ah grandes cruzados!

Só lhes faltou acrescentar que a Liga que revela total incompetência é aquela que ainda está em funções e que integra o Benfica na sua direcção, na mesa da Assembleia-Geral, no Conselho de Disciplina que foi incapaz de resolver o caso Mateus com celeridade e dignidade e no próprio cargo de director executivo.

6 De férias no Algarve, o tal benfiquista director executivo da Liga, Cunha Leal resolveu também fazer saber à distância da sua douta e tardia opinião, através de um comunicado igualmente notável de redacção. Valentim Loureiro respondeu-lhe a matar: que não estivesse de férias e não as tivesse prolongado, justamente quando era maior o trabalho e a agitação na Liga de clubes, onde é um dos quadros mais bem pagos. Terminadas as férias, ele tinha agendada para ontem uma conferência de imprensa, que ajudará certamente a resolver todo este imbróglio. Quarta-feira será a vez de a direcção da Federação, terminadas também as férias dos seus membros, entrar a matar para resolver o assunto, que agora, e via FIFA, já lhes queima as barbas.

Como era de esperar, pois, o futebol passou para segundo plano. Esta gente, estes preclaros dirigentes que mandam nos clubes e no futebol português, ocuparam todo o centro do palco e substituíram a alegria dos estádios pela emoção das providências cautelares, recursos, despachos, reclamações, comunicados e entrevistas grandiloquentes. Que estourem de vaidade, já que não estouram de incompetência!

Não esquecer: 1º Encontro Luso-Galaico sobre weblogs


A Universidade do Porto vai organizar o 1º Encontro Luso-Galaico sobre weblogs, o qual terá lugar nos dias 13 e 14 de Outubro.
Inscrições aqui.

Diplomacias, ou talvez não

"O chefe da diplomacia italiana, Massimo DAlema, afirmou esta terça-feira, numa entrevista ao Corriere de la Sera, que o Hezbollah libanês e o Hamas palestiniano não podem ser considerados organizações puramente terroristas e defendeu que deve fazer-se um esforço para os integrar na cena política. «O IRA e a ETA passaram de grupos terroristas a partidos políticos», prosseguiu o ministro italiano, referindo-se ao movimento republicano norte-irlandês e ao movimento separatista basco que, durante décadas, perpetraram actos terroristas na Irlanda do Norte e em Espanha. "

Confessamos que as comparações politicamente correctas fazem-nos chorar de tanto rir. O Exército Republicano Irlandês (IRA) realizou durante mais de 30 anos uma luta armada para conseguir a retirada britânica da Irlanda do Norte e a reunificação da ilha da Irlanda. ETA, é um grupo terrorista, de ideologia independentista marxista e revolucionária, que pratica o terrorismo como meio para conseguir a independência do País Basco que engloba França e Espanha.

Hezbollah é uma organização política e militar dos muçulmanos xiitas do Líbano com o objectivo de destruir Israel e estabelecer uma estado islâmico no país (tradicionalmente uma nação composta por várias comunidades religiosas) nos moldes do estado islâmico criado no Irão. Os militantes do grupo foram recrutados entre os jovens xiitas, muitos dos quais tinham sido membros do Amal, uma milícia laica pró-síria. A nível financeiro e de armamentos, o Hizbollah foi apoiado pelo Irão. Mais tarde, passou a ser apoiado pela Síria, que utilizou o grupo na sua disputa com Israel sobre os Montes Golã. Com o fim da guerra civil libanesa em 1991, o Hizbollah foi um dos poucos grupos que não foram desarmados pela Síria. O Hezbollah assume-se como um dos principais movimentos de combate à presença israelita no Oriente Médio e os seus objectivos declarados consistem na exterminação do Estado de Israel.

Comparar uma organização financiada militarmente e economicamente por outros países que visa o genocídio de um Estado soberano vizinho com outras que têm como objectivo a independência política é um exercício intelectual notável. Compare-se os atentados de uns e de outros. Nem os Etarras, nem os Republicanos Irlandeses, tiveram alguma vez como objectivo acabar com a existência da Espanha ou do Reino Unido. E depois o IRA e a ETA aceitaram o desarmamento, coisa que o Hezbollah está longe de aceitar. Enfim …

Uma morte, duas medias...

Ontem quando lia o Jornal de Noticias, deparei-me com um titulo de noticia que me deixou desalentado: “Prostituta encontrada morta por uma patrulha da PSP”.
Comecei por ler o resto da noticia, e afinal já era “uma mulher de 43 anos, que se dedicava à prostituição(…)a vítima terá morrido na sequência de um roubo por esticão…”.

Tudo isto começou por me fazer pensar, porque não fiquei indiferente com os títulos garrafais de “prostituta”, para depois em letras pequenas descrever a mesma pessoa como mulher, o que objectivamente me pôs a pensar sobre será que a morte tem peso, com impacto diferente de acordo com a actividade de cada um?

Imediatamente fiquei perturbado, porque os próprios meios jornalísticos são os primeiros a descriminar negativamente as pessoas e os casos. Quando morre uma “prostituta” fica-se pela noticiazinha e quando morre uma criança temos caso para duas semanas.

Mas esta reflexão levou-me a casos ainda mais estranhos, como o facto de que para os jornalistas ser normal que durante um dia no Iraque aconteça sete atentados suicidas com dezenas de mortos, tendo neste caso direito a uma insignificante reportagem de 40 segundos! Já alguém contabilizou os mortos iraquianos desde que acabou a guerra, durante a guerra e durante o período de Sadam Hussein? Tenho sérias duvidas sobre se o período mais negro não será o actual.

Outra reflexão, que faço constantemente é quanto vale as mortes no Sri Lanka? Já alguém reparou no clima de guerra civil que avassala este país provocando centenas de mortos com o confronto entre o exército cingalês e a guerrilha tamil?

Em suma, pretendo apenas tentar deixar uma nota de que a imprensa deveria deixar de ter dois pesos e duas medidas, e tentar de alguma forma dignificar as pessoas até na hora da morte, porque quando morre uma pessoa, seja branco, preto, homem ou mulher, criança ou adulto, Israelita ou Palestiniano, morre sempre um ser humano.
A pintura é de William-Adolphe Bouguereau (1825-1905), “O Dia da Morte”
(chegado por email)

Memória: 11/9


A CNN irá reconstituir as notícias do 11 de Setembro tal como apareceram no seu site, há cinco anos atrás. A partir das 8h30 e até à meia-noite desse dia será possível assistir ao desenrolar dos acontecimentos em tempo real.

Obra (bem) feita

PRAIA DAS ROCAS (ou como ir à praia em plena Serra)


A Praia Fluvial das Rocas é um complexo de lazer situado num lago com quase 1Km de extensão, situado no coração da Vila de Castanheira de Pera. Um ano após a inauguração ainda se comenta a beleza da obra, a surpresa das ondas, a grandeza do empreendimento. Poucos, muito poucos ainda, naquele dia 4 de Julho, se terão de imediato apercebido da verdadeira importância e dimensão, enquanto investimento estruturante, do Parque Azul, onde se encontra implantada a Praia das Rocas. Ocupando uma área de cerca de 10 hectares ao longo da Ribeira de Pera, que abastece a praia com as suas límpidas e puras águas, o complexo conta com um piscina circular de 7.000 m2 e uma piscina de ondas com 2.100 m2 (a maior do país). Hoje, 29 de Agosto, já
visitaram o complexo cerca de 60000 pessoas. Eis uma prova que as nossas autarquias podem desenvolver projectos que dinamizem a economia local e aproximem assim de nós o interior do país.


Ondas que às vezes o mar não tem

Piadinha

Help Desk



Caro Suporte Técnico:

O ano passado fiz um upgrade do NAMORADO 5.0 para o MARIDO 1.0 e notei uma redução significativa da performance, principalmente nas aplicações FLORES e JÓIAS, que operavam sem falhas em NAMORADO 5.0.

Além disso, o MARIDO 1.0 desinstalou outros programas importantes como ROMANCE 9.5 e ATENÇÃO AO QUE EU DIGO 6.5 e instalou aplicações indesejáveis, como
SUPERLIGA 5.0.

Também não tenho conseguido correr os programas CONVERSAÇÃO 8.0 e LIMPAR A CASA 2.5. O sistema fica bloqueado.

Tentei correr o RECLAMAR 5.3 para corrigir esses bugs e não consegui nada.
Que hei-de fazer???

Ass.: Desesperada.


Cara Desesperada:
Primeiro, tenha em atenção que o NAMORADO 5.0 é um programa de entretenimento, enquanto MARIDO 1.0 é um sistema operativo.

Comece por fazer o download de LÁGRIMAS 6.2 e depois digite o comando C:\EU PENSEI QUE ME AMAVAS, para instalar o CULPA 3.0. Essa operação actualiza automaticamente as aplicações FLORES 3.5 e JÓIAS 2.0.
No entanto, lembre-se que o uso excessivo desses programas no MARIDO 1.0 pode activar outros programas indesejáveis, como SILÊNCIO TOTAL 6.1 e FUTEBOL COM OS AMIGOS 7.0, que invariavelmente instala o CERVEJA 6.1. - Este último é terrível, pois cria arquivos tipo WAV da versão RESSONAR ALTO 2.5.

De qualquer forma, NUNCA instale SOGRA 1.0 nem reinstale qualquer versão de NAMORADO. Estas aplicações são incompatíveis e irão bloquear o funcionamento do sistema operativo MARIDO 1.0.
Em resumo, MARIDO 1.0 é um óptimo sistema operativo, mas tem limitações de memória e demora a correr certas aplicações.

Para o perfeito funcionamento do sistema, sugerimos que a senhora adquira alguns programas adicionais. - Recomendamos JANTAR ROMÂNTICO 3.0 e LINGERIE 6.9!!!


Tenha muito cuidado! - Algumas clientes instalam o FILHO 1.0 para tentar dar estabilidade ao sistema e muitas vezes isso causa um efeito contrário, acarretando uma necessidade de verificação total do sistema para garantir a existência de espaço no disco rígido e, sobretudo, assegurar a existência de um adequado ficheiro de paginação em MONEY 3.0!!
Boa Sorte.
Atenciosamente,
Suporte Técnico

Energia

É bom não foi?


Na próxima segunda-feira passaremos a poder escolher o fornecedor de electricidade.
Mas a notícia de que a maior parte deles é espanhol e que, na Espanha, por eles, só 8,1% dos consumidores mudaram de fornecedores anula toda a minha excitação.

Voo 93


No sábado fui ver o primeiro filme sobre o 11 de Setembro. Depois virá o de Oliver Stone que espero, como tento com tudo o que este senhor faz, não perder. “United 93” (“Voo 93”, em português) é uma reconstituição honesta, sem grandes efabulações românticas ou tiradas patrióticas, sobre o voo que se dirigia ao Capitólio, em Washington, e que, depois de tomado por uns terroristas completamente amadores, terá sido recuperado pelos passageiros que entretanto já tinham sabido do atentado às Torres Gémeas.

Três notas curtas sobre o filme. Primeira: Fica claro que a máquina pesada, a lentidão das comunicações e a falta de liderança tornaram a resposta aos atentados absolutamente ineficaz. Segunda: o aparente rigor do filme contrasta com a falta de densidade das personagens e de rasgo na realização. Terceira: mesmo sabendo que este era o voo sobre o qual havia mais informações graças aos contactos telefónicos dos passageiros, é curioso que se tenha escolhido para retratar o 11 de Setembro o único lugar e momento em que alguém venceu os terroristas. O filme de Stone, segundo percebi, será sobre os bombeiros. Em qualquer tragédia a América precisa de heróis.

De resto, teremos de esperar um pouco mais para ter filmes mais densos sobre o que aconteceu há cinco anos. E se há coisa em que os americanos são excelentes é a fazer terapia de grupo. Ao contrário dos europeus (quantos filmes há sobre as guerras coloniais francesas e portuguesas?), pensam e questionam o seu passado.

Palhaçadas

Condutores correm o risco de ficar sem a carta e com os veículos imobilizados se não levarem a prova de pagamento do selo do carro.

Não tarda, há que ser portador do recibo do triângulo, do colete de sinalização, dos quatro pneus...

GoEar, o Youtube do audio


O site GoEar.com funciona da mesma forma que o famoso Youtube com mais um pequeno detalhe: no GoEar você não "posta" vídeos mas sim arquivos de audio.
Já era tempo de um serviço assim na internet, o GoEar também permite "embedar" os seus arquivos em sites assim como é feito no Youtube.

E já agora: Porque é azul o céu?

Quem é que nunca fez esta pergunta? Por que o céu é azul? Pois é, acho que quase todos, então vamos tentar entender.

"Todo mundo sabe que a luz branca, emitida pelo Sol, é na verdade composta de sete cores básicas. Elas variam do violeta ao vermelho, cada uma com sua freqüência. As moléculas de ar que compõem a atmosfera da Terra, por sua vez, refletem, absorvem e difundem a radiação solar. A luz do Sol, também chamada de luz branca, entra na atmosfera e é espalhada pelas moléculas do ar principalmente nitrogênio para todas as direções, diz o físico Alexandre Souto Martinez, do Instituto de Física e Matemática da USP de Ribeirão Preto.

A luz azul tem uma frequência (ciclos de onda por segundo) muito próxima daquela de ressonância dos átomos da atmosfera, ao contrário da luz vermelha. Assim, a luz azul movimenta os elétrons nas camadas atômicas das moléculas com muito mais facilidade que a vermelha. Isso provoca um ligeiro atraso na luz azul que é reemitida em todas as direções, num processo chamado dispersão de Rayleigh (nome do físico inglês do século XIX que explicou esse fenômeno). A luz vermelha, que não é dispersa e sim transmitida, continua em sua direção original, mas quando olhamos para o céu é a luz azul que vemos porque é a que foi mais dispersada pelas moléculas em todas as direções.

No amanhecer e no entardecer, porém, a luz atravessa uma camada mais espessa da atmosfera. O azul se espalha tanto que não consegue chegar até nós e, por isso, vemos o céu vermelho.

Partículas de umidade presentes na atmosfera também podem alterar essa dispersão da luz. É por isso que, antes ou depois de chover, podemos ver as sete cores do espectro na faixa onde a luz atravessa as gotículas de água. É o chamado arco-íris. Por essa mesma razão, também o céu de Marte é vermelho. Como ele tem muitas partículas de poeira dispersas, a luz azul se espalha ainda mais e apenas a luz vermelha consegue chegar à superfície."

Última Hora!!!

Liga dos Planetas: Plutão entrega providência cautelar junto do Tribunal Administrativo de Lisboa


Depois de ter sido despromovido à Segunda Liga dos Planetas, Plutão recorre aos tribunais civis de forma a suspender todo o Campeonato Interplanetário. Plutão tinha subido à primeira liga deste campeonato há mais de 70 anos e foi agora despromovido porque é pequenito. Plutão não se conformou e recorreu aos tribunais com o argumento de é “pequenito mas corre que se farta". "Além de mais, os planetas não se medem aos palmos e qualquer coisa que esteja com uma temperatura ambiente de 220 graus negativos mirra, e não há Ana Malhoa que o estimule”. A argumentação de Plutão vai mais longe e sugere que existe corrupção na Liga de Planetas “O nosso mal é estarmos longe do centro de decisão, neste caso, o Sol! Porque é que não despromovem os planetas que são apenas gases? Se nós (Plutão) estivéssemos cheio de gases seriamos muito maiores”.

Entretanto, o arrivista planeta UB-313 descoberto no ano passado quer substituir Plutão na Primeira Liga, no entanto, Mercúrio Loureiro, presidente da Liga dos Planetas afirma que um sistema solar com mais do que 8 planetas torna-se pouco competitiva, para além disso, Plutão tem uma orbita meia maluca e por isso deve ser banido do principal campeonato planetário.
Entretanto, e com esta confusão toda, o campeonato está suspenso e alguns planetas inclusivamente deixaram de girar. Quem parece mais activo é Vénus, que este ano equipa com camisas novas e novo patrocinador: Durex Barroso.
Para Zé Beto, Presidente da Associação dos Espectadores dos Jogos Interplanetários e do Além, trata-se de uma pouca vergonha tudo isto, “tínhamos comprado uma faixa nova a dizer que o Hospital Sobral Cid apoia o Planeta Agostini e agora vai tudo por água abaixo.”

Plutão

A DESPROMOÇÃO DE PLUTÃO


Plutão era considerado até à uns dias atrás o nono planeta do nosso sistema solar. Depois de intensas negociações entre os astrónomos, ele foi despromovido. A alteração foi tomada pela União Astronómica Internacional, na reunião anual, que começou no dia 14 e terminou a 25 deste mês. Os detalhes foram disponibilizados neste press release e em vários apontamentos dos média internacionais. Concluíram afinal que Plutão não é um planeta, antes um mero planeta-anão. Quer por causa do seu tamanho e por causa da sua órbita demasiado excêntrica, perdeu o seu estatuto e foi excluído da classe dos planetas. Pensava-se que tinha mais de 51.000 quilómetros de diâmetro, quando afinal só tem (para já) cerca de 2.300 quilómetros de diâmetro.
Claro que Plutão sempre se manteve fiel à sua órbita (dizem eles que é demasiado anormal e esquisita). Plutão sempre teve aquele mesmo tamanho e sorriso, as pessoas é que o viam com outros olhos. Pensavam que era muito grande mas ele não era assim tão grande. Rapidamente passou “de bestial a besta”. Passou de super-astro a rodar em todos os cinemas do planeta, a Cromo dos Morangos com açucar. Um destes dias os astrónomos vão inventar mais sete planetas anões e vão descobrir a Branca de Neve a dançar no meio deles...

Meditando nisto, lembrei-me que muitas pessoas já experimentaram aquilo que Plutão deve estar a sentir. Outrora foram belos, importantes e grandes mas depois a tribo mandou-os embora. Foram rejeitados. Despromoveram-nos a desprezíveis e insignificantes anões. A inveja e a cobiça têm destas coisas.
Mas precisamos compreender que a rejeição é às vezes o instrumento para o nosso crescimento.

Pensem por exemplo na história de José do Egipto. Um homem que viveu uma vida de rejeição, mas porque se manteve fiel à rota de Deus, no final brilhou como mais ninguém. A nossa atitude paciente e amorosa no meio da exclusão vai determinar o nosso brilho e a nossa caminhada. Porque mais importante do que a exclusão que somos sujeitos pelas outras pessoas, importa sermos quem somos. Sermos autênticos e fieis ao desígnio e à órbita - por mais excêntrica que seja - que o Criador nos deu.
O Inventor de Plutão não despreza ninguém. E mesmo quando todos à nossa volta nos abandonam ou não reconhecem o nosso valor, Deus permanece intensamente apaixonado e interessado por nós. Quer sejamos Júpiteres ou Plutões. Grandes ou anões. Tenhamos muitos ou poucos anéis.

Os homens baixos, na atitude, que se cuidem. Deus não se esqueceu de Plutão.



Portanto meus amigos, lembrados do que aprenderam na escola sobre planetas? Mercúrio, Vénus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano, Neptuno e Plutão? Pois a partir de agora o que nos querem fazer crer que está correcto é o seguinte: São 12 os planetas do nosso sistema solar: 8 tradicionais - Mercúrio, Vénus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Neptuno; 3 “Plutões”, esta nova categoria engloba os seguintes astros: Plutão, Charon e 2003 UB313; e Ceres.

Como nem todos estão de acordo, clique aqui para ver mais montagens dos protestos.

Para não esquecer, junto imagem de Clyde William Tombaug, descobridor de Plutão (13 de Março de 1930):


E já agora, o que dirão em Júpiter acerca do planeta Terra?

Terão sido separados à nascença?

Cuba "Libre"


Títulos enganadores

Queda de avião mata 50 das 49 pessoas ... mortas? Dois erros no mesmo título? É obra!
(Imagem retirada esta noite do portal Terra)

Suspensão


Obrigado.
Já não chorava a rir assim há muito tempo!
Foi um deleite ouvir o senhor Major anunciar que tinham tomado a decisão A, mas que não se aplicava pois tinha existido uma decisão B. E que infelizmente, devido a um recurso qualquer, também esta não se aplicaria, mas sim uma C. É de mais!
Foi um momento épico.

Blogger.com

Blogger 7 Aniversary
Happy birthday Blogger

No passado dia 23 todos os utilizadores do Blogger terão certamente reparado que o logotipo do Blogger surgiu representado com a imagem que se ilustra.
Esta novidade deveu-se ao seu sétimo aniversário e ao conceito de que a cada aniversário canino correspondem sete dos humanos.
Ao
Blogger.com fica o agradecimento pelo que propicia a milhares de pessoas que, como nós, usam os seus serviços para poderem exercer o livre direito universal de expressão.

Bandeiras

Alguém me pode explicar como é que a Federação Portuguesa de Atletismo deixa isto acontecer....e não estou a falar da medalha conquistada!!!

Chinocas

Este carro parece um Mercedes, mas não é! Trata-se de um Geely, uma marca chinesa de automóveis.
Por aqueles lados vende-se, por ano, cerca de 1 Milhão de carros falsificados sem que nada seja feito e as marcas têm medo das retaliações que podem sofrer caso avancem judicialmente contra uma empresa chinesa. É que apesar de tudo, o número de carros verdadeiros vendidos é 3 vezes maior do que os falsos e isso vale muito dinheiro. Ahh!...já para não referir a obrigatoriedade que as marcas estrangeiras têm de criar "joint ventures" com empresas locais, numa política de dá-me o "know-how" que é isso que me falta!! Poderio europeu é uma expressão que começa a ficar fora de moda. Talvez esteja na altura de sermos mais proteccionistas e menos gananciosos.

Hoje começa o campeonato


Os Portíadas


CANTO PRIMEIRO


A fama dos Dragões assinalados
Que desta Mui Nobre, Invicta e Leal,
Em estádios nunca antes disputados
Jogaram p'ra ganhar cada final,
E em torneios e jogos esforçados
Mais do que era sonhado em Portugal,
Entre gente remota conquistaram
Nova glória, que tanto sublimaram;


E também as memórias gloriosas
De oitenta e sete, aí principiando
Nova Era, e as terras viciosas
Que de Espanha ao Japão foram domando,
E aqueles que por obras valerosas
Se vão da lei da Imprensa libertando,
Cantando espalharei por toda parte,
Se a tanto me ajudar o engenho e arte.


Cessem da pantera e mais felinos
As deambulações grandes que fizeram;
Cale-se dos tais cinco violinos
A fama das vitórias que tiveram;
Que eu canto o peito ilustre dos meninos
A quem Manchester e Real obedeceram!
Cesse tudo o que Record e Bola cantam,
Que outros valores mais alto se alevantam!

(obrigado PC)

Parasitas

Guerra Junqueiro


17-9-1850 / 7-7-1923

Parasitas

No meio duma feira, uns poucos palhaços
Andavam a mostrar, em cima dum jumento
Uma aborto infeliz, sem mãos, sem pés, sem braços,
Aborto que lhes dava um grande rendimento.

Os magros histriões, hipócritas, devassos,
Exploravam assim a flor do sentimento,
E o monstro arregalava os grandes olhos baços,
Uns olhos sem calor e sem entendimento.

E toda a gente deu esmola aos tais ciganos:
Deram esmolas até mendigos quase nus.
E eu, ao ver esse quadro, apóstolos romanos,

Eu lembrei-me de vós, funâmbulos da cruz,
Que andais pelo universo, há mil e tantos anos,
Exibindo, explorando o corpo de Jesus.

in A Velhice do Padre Eterno

Hillsong United em Portugal

Uma das mais conhecidas bandas de música cristã, a Hillsong United, vem a Portugal, mais concretamente em Loures nos dias 19 a 21 de Outubro. Mais informações e detalhes aqui .

Foto para quê???

Amnistia Internacional - mais do mesmo

"A Amnistia Internacional (AI) acusou esta quarta-feira Israel de ter atingido deliberadamente alvos civis durante a campanha militar desencadeada no Líbano entre 12 de Julho e 14 de Agosto contra a guerrilha do Hezbollah, adiantando que o estado judeu pode ser acusado de crimes de guerra (ler aqui)"

Comentário politicamente correcto: Não existem dúvidas de que os sanguinários sionistas já deviam estar sentados há muito tempo no TPI para responder por crimes contra a Humanidade. Eles, o assassino Bush bem como o lacaio Blair. Só ficaremos descansados quando houver mandados de captura para esses responsáveis. Há que libertar o mundo dos verdadeiros terroristas!

Comentário fascizante: A AI tem estado calada sempre que organizações terroristas como o Hamas, o Hezbollah, a Islamic Jihad ou a Brigada dos Mártires de al-Qaeda põem bombas em autocarros, escolas, restaurantes, discotecas, mercados ou paragens de autocarro em Israel. Os terroristas do hezbolah podem vestir-se à civil, escudar-se entre a população e esconder armas em casas particulares, edifícios públicos e religiosos que não é crime...

Qualquer cego verifica a imparcialidade da A.I.

Semelhanças

Manifestações anti-Israel em Londres, Paris e na Suiça. Notam a semelhança?



Datas com História: 23 de Agosto de 1942

Inicia-se a Batalha de Estalinegrado (ou Stalingrado)

Estalinegrado foi um ponto de mudança na Segunda Guerra Mundial, e é considerada uma das batalhas mais violentas da história. A batalha foi marcada pela sua brutalidade e pelo desrespeito por baixas civis em ambos os lados. A batalha inclui o ataque Alemão na cidade do sul da Rússia, Estalinegrado (hoje Volgogrado), a batalha dentro da cidade, e a contra-ofensiva Soviética que eventualmente emboscou e destruiu as forças Alemãs e do Eixo (história) dentro e à volta da cidade. O total das baixas em ambos os lados é estimado em cerca de 2 milhões de pessoas, incluindo civis. As forças do Eixo perderam um quarto do total dos seus homens na Frente de Este, e nunca se recuperaram da derrota. Para os soviéticos, que perderam mais de um milhão de soldados e de civis durante a batalha, a vitória em Estalinegrado marcou o ínicio da libertação da União Soviética, culminando com a vitória sobre a Alemanha Nazi em 1945.

A 22 de Junho 1941 a Alemanha e os seus aliados (Eixo) invadiram a União Soviética, avançando rapidamente para dentro de território Soviético. Tendo sofrido derrota após derrota no Verão e Inverno de 1941, as forças Soviéticas contra-atacaram em larga escala nos portões da capital Soviética, na batalha de Moscovo, a Dezembro 1941. Os Alemães, exaustos, mal equipados para guerra no Inverno e com as linhas de suporte muito longas, foram arrastados do alcance de Moscovo.

Os Alemães estabilizaram a sua frente na Primavera de 1942. Não obstante, as baixas da campanha de 1941, mais as perdas de blindados e de material militar, tornavam impossível a retomada de uma ofensiva em todo o front oriental, obrigando Hitler a ter como ponto de partida uma ofensiva apenas setorial em 1942. Planos para lançar uma segunda ofensiva contra Moscovo foram rejeitados, não apenas porque o Grupo Central do Exército tinha sido demasiadamente enfraquecido para um ataque, mas porque, além disso, tal ataque seria "demasiado óbvio", contrariando a filosofia da Blitzkrieg, que era atacar onde o inimigo menos esperava, para que ganhos rápidos pudessem ser obtidos antes que uma defesa pudesse ser criada. Por este motivo novas ofensivas no norte (Leningrado)e sul (Ucrânia) foram consideradas.Os alemães mantiveram-se no controle, não obstante, de dois salientes nas proximidades de Moscou, de maneira a permitir um blefe que tornasse crível a possibilidade de uma ofensiva no fronte central.

No fim, o Grupo Sul do Exército, que previamente tinha conquistado a Ucrânia e a Criméia - a queda desta península, completada após o cerco e a queda da fortaleza de Sebastopol, evitava a possibilitade de um contra-ataque soviético na retaguarda alemã - foi selecionado para um rápido avanço para a frente através do sul soviético para o Cáucaso, a fim de capturar vitais campos de petróleo Soviéticos, assim como abrir a possibilidade de uma entrada na Turquia na guerra ao lado dos alemães, criar a possibilidade de um futuro movimento de tenazes no Oriente Médio em apoio ao Afrika Korps, e eliminar a Esquadra Soviética do Mar Negro. A ofensiva no Verão teve como codinome "Fall Blau"" ("Caso Azul"). Iria incluir o 6º e 7º Exércitos e a 4ª e 7ª divisões Panzer.

Hitler interveio, contudo, no plano estratégico, ordenando ao Grupo do Exército se dividir em dois. Grupo Sul do Exército (A), sob o comando de Erich von Manstein e Ewald von Kleist, iriam continuar a avançar para sul em direcção do Cáucaso como planeado (planejado). Grupo Sul do Exército (B), incluindo o 6º Exército de Friedrich Paulus e a 4ª divisão de Panzer de Hermann Hoth, deveria se mover para leste em direcção ao rio Volga e à cidade de Estalinegrado.

A captura de Estalinegrado era importante para Hitler por diversas razões. Era uma principal cidade industrial, localizada no rio Volga, que era uma rota de transporte vital entre o Mar Cáspio e o norte da Rússia. Sua captura iria assegurar o flanco esquerdo dos exércitos Alemães enquanto avançavam para o Cáucaso. Mas - num sinal patente da crescente fraqueza do exército alemão - a possibilidade de Estalinegrado poder ser tomada mediante um movimento de tenazes blindadas jamais foi sequer considerado, já que as tais unidades blindadas eram simplesmente inexistentes; a tomada da cidade teve de ser tentada mediante combates de infantaria, casa a casa. O contínuo desgaste das forças alemães determinou que fossem utilizadas, no front de Estalinegrado, uma quantidade crescente de forças militares de outros membros do Eixo (italianos e romenos) de fraco valor militar e pouco confiáveis. Finalmente, o facto que essa cidade tinha o nome do inimigo de Hitler, Josef Stalin, fez a captura da cidade ser também motivo de propaganda.

Tal acabou por fazer com que Stalin - que durante muito tempo persistiu em acreditar na ofensiva alemã em direção a Moscou - acabasse por pensar do mesmo modo. Entrementes, o exército alemão chegou a tomar, em feroz combate casa a casa, o equivalente a nove décimos de Stalingrado; mas este combate de rua o desgastava, impunha baixas cada vez maiores de homens e equipamentos produzidas por franco-atiradores e armas anti-tanque, e impedia que o seu comando -e acima de tudo, Hitler - conseguisse pensar em outra coisa senão tentar, com persistência insana, em finalmente tomar Stalingrado.Hitler, fiel aos seus costumeiros projetos megalômanos e ao costume de subestimar o adversário, em nenhum momento pensou em reduzir a velocidade da ofensiva em direção ao Cáucaso, de forma tal que o flanco esquerdo de toda a operação - que se situava pecisamente em Stalingrado -pudesse estar garantido. Bem verdade, no entanto, que, como sempre, toda a estratégia hitlerista baseava-se em correr contra o tempo, e uma maior lentidão do ritmo de operações apenas daria tempo aos aliados de organizarem o abastecimento das tropas soviéticas por via da fronteira iraniana, retirando o petróleo do Cáucaso para sempre do acesso alemão. Resumindo: como já em 1941, o Exército Alemão tinha-se colocado objectivos muito além de sua capacidade. Tal deu ao Estado Maior soviético o tempo necessário para concentrar uma enorme reserva - cinqüenta divisões - atrás da frente e preparar uma operação de contra-ataque: a "Operação Urano".

Fonte: wikipedia

Distracções


"I feel that life consists of distractions. It's the only way to survive. You've got to constantly distract yourself from the existential realities of life".
Woody Allen, ao
Boston Globe.

Vídeo-Música: Carmina Burana

Carl Orff


Lucia Popp canta In trutina dos Carmina Burana

Memória

José Cid - A Pouco e Pouco (Favas com Chouriço)

Avé Cid

Este País não te merece...

Parabéns Suzana Vieira

SV.JPG



Procedimentos matinais

Agora que voltei ao trabalho, lá tenho que relembrar estes procedimentos:

nós e gravatas!



13 - half windsor tie knot.JPG

Intriga ao amanhecer

Knightsbridge, Londres. Na Brompton Road fica a cadeia de lojas mais famosa do mundo. O seu nome é Harrods. E é aí que se pode ver a coisa mais intrigante de Londres: que diabo fazem tantas mascaradas como estas no Harrods, a chafurdar por entre as roupas dos estilistas mais famosos? Comprarão estes espécimes belos vestidos de noite? Usá-los-ão por baixo da farda preta? Ser o Harrods propriedade de um tal de Al-Fayed faz, só por si, com que não seja pecado tocar nos debochados vestidos do Demo? Ou serão elas homens disfarçados a adquirir vestidos para as suas amantes? Aceitam-se sugestões. Mas que é intrigante, lá isso é. Ao menos nesse aspecto, as freirinhas católicas demonstram maior coerência.

Paixão computarizada


Percorro com os dedos o teclado
e acaricio nele a tua pele
que imagino morena e macia.

Envolvo com o olhar o monitor aceso
e procuro aí os teus olhos
que suponho escuros e ardentes.

Passeio com o rato no tapete
e sinto os teus lábios no meu corpo,
vagarosamente deslizando
e deixando nele o sabor que imagino em ti.

Maria Carlos Loureiro

Fiem-se na virgem...

Enquanto o PCP português disparata, a esquerda populista «arma» terroristas, e os pacifistas (esquecendo quem os convoca) gritam por qualquer coisa anti-Bush, anti-Isreal, Teerão lá vai andando, meus amigos...
Bem sabemos que estão no meio de uma negociação (visão ocidental da questão claro...) mas já anunciam
nos próximos dias "um importante sucesso" nas suas pesquisas nucleares.
Este blog saúda as importantes pesquisas que em muito contribuirão para o avanço da nossa ciência com consequências imediatas na nossa saúde...