Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

NÚMEROS HISTÓRICOS: Porto continua a ganhar residentes e regista subida acentuada em 2018

Pelo segundo ano consecutivo o Porto ganha residentes. Os dados de 2018 do Instituto Nacional de Estatística (INE) vêm confirmar a tendência iniciada no ano passado, quando pela primeira vez em quatro décadas o Porto registou mais habitantes. Hoje há mais gente a viver na cidade e de 2017 para 2018 o "salto" foi significativamente superior.

A população residente no Porto não crescia desde o início dos anos 80 do século passado e o ponto de viragem só chegou em 2017, com o número de moradores a ascender aos 214.353, mais do que em 2016.

Passado um ano, sabia-se que a expectativa seria grande. Era a cidade do Porto capaz de aguentar esta trajetória ascendente e garantir a subida sustentada de residentes? Ao contrário do que erradamente tem sido noticiado, os números não mentem.

Em 2018, o INE revela que há 214.936 moradores na cidade, mais 583 do que em 2017, concluindo-se que a subida foi ainda mais significativa comparativamente à do ano anterior.

Os dados contrariam em absoluto a ideia de que a cidade do Porto está a perder habitantes e que a dinâmica social, económica e turística afasta moradores. Mostram, bem ao contrário, que foi antes dessa dinâmica ter sido criada que a cidade perdeu residentes a um nível acentuado e que essa realidade desastrosa está agora a ser invertida. 

0 comentários: