Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Governo de Lisboa continua a gozar (e a prejudicar) o NORTE

"Não quero acreditar que Estado de Direito responsável tenha feito um negócio com uma concessionária pondo em perigo as condições de segurança dos utentes numa autoestrada".


Câmara de Vila Real lança campanha sobre perigo na A24

Segundo explicou a autarquia, em comunicado, em consequência da renegociação do contrato de concessão da A24, celebrado entre o concedente (Estado Português) e a operadora desta via que liga Viseu à fronteira, em Chaves, "foi reduzida a segurança desta autoestrada".

O município elencou a 
  • remoção, da quase totalidade, dos postos SOS ao longo do traçado", de Viseu até Chaves 
  • remoção na totalidade, da iluminação em todos os nós de acesso e saída"
  • retirada total dos painéis de informação de condições atmosféricas adversas.
  • redução dos limpa-neves para metade, passando de oito para quatro
  • patrulhamento de apoio a avarias e acidentes, passando de duas equipas para uma equipa, que no período noturno apenas é ativada por chamada
"Com estas alterações ficou seriamente comprometida a organização operacional desta autoestrada, comprometendo claramente a segurança dos seus utentes", salientou o município.  [daqui]


0 comentários: