Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Do melhor da "bluegosfera": Dragão Até Morte

A "bluegosfera" está recheada de fantásticos blogues, que transpiram amor e dedicação pelo FC Porto. Quem participou nos 3 seminários já organizados sob esse lema, sabe bem do que digo. Bloguers muito apaixonados pelo Dragão e que estão atentos ao que se passa no desporto em Portugal, nomeadamente nas modalidades praticadas no Clube e não só e que conseguem verbalizar esses sentimentos de uma forma muito boa e inteligente nos seus espaços de "tertúlia cibernética". 
Hoje tive a oportunidade de ler a crónica do Vila Pouca no seu Dragão Doente (Até à Morte)
O artigo último, " A cor das lágrimas" está muitíssimo bem escrito e muito pertinente. Aconselho-vos a leitura do mesmo, embora coloque aqui o primeiro parágrafo que, na minha opinião deveria ser enviado a todas as redacções desse jornalixo que por aí pulula...



Qual a diferença entre a arbitragem de Gelsenkirchen que penalizou o Sporting e, por exemplo, a de Guimarães que prejudicou claramente o F.C.Porto? Nenhuma. A única diferença esteve na cor das lágrimas. Se são azuis, não se passa nada, quem chorou não devia chorar, é criticado a torto e a direito. Mas se forem verdes, aí sim, todos se juntam ao choro, qualquer notícia sobre o jogo, seja na rádio ou na televisão, lá vem o choro, alguns jornais e o ratinho da SIC mostram a verdadeira dimensão de chorões compulsivos e escroques militantes e falam em roubo. Roubo!, palavra forte, tão forte que até causou uma crise de inveja ao meu"amigo" e vencedor 4ª Edição do Prémio Kompensan/RennieRuizinho Gomes da Silva,o mais pequenino e mais quiduxo dos paineleiros portugueses. Disse o Rui a destilar inveja por todos os poros: «Porque não fizeram capas destas, quando, em Maio, perdemos a final da Liga Europa, com um verdadeiro "roubo de igreja"?» E se o Rui chora de inveja, outro "amigo", Eduardo Barroso, o nosso bem conhecido Dr. Cutty Sark, esse chora de raiva e não faz a coisa por menos: foi a máfia russa e houve dinheiro por fora. Quem também chorou ontem após o Mónaco 0 - Benfica 0, foi o Catedrático. E utilizo o adjectivoCatedrático porque a argumentação para o choro foi de verdadeiro artista, foi de Doutor do Povo. Disse Jorge Jesus que as arbitragens de ontem e de anteontem que envolveram os dois chorões da Segunda Circular, é uma questão política. Tem a ver com o ranking da UEFA. Ai sim? Tem piada, estava convencido que tinha a ver com a Gazprom. Mas depois pensei... não pode, o F.C.Porto já fez quatro jogos frente aos russos de S.Petersburgo, em dois acabou com 10 e ninguém falou na influência da empresa de energia russa, porque carga de água deviam falar agora? Sem esquecer a Sagres, patrocinador em simultâneo da Liga e do clube do regime. [Ler o artigo completo]


0 comentários: