Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Novos emails da podridão e corrupção encornada

Vieira/Padres/Ofertas/Presentes; Ontem foram revelados e-mails pelo Mercado de Benfica que provam os crimes de corrupção do Benfica por aliciamento a árbitros (aqui). Hoje, começamos a manhã com um novo e-mail que prova, mais uma vez, essa corrupção.
Tal como nos e-mails revelados ontem é o mesmo indivíduo, Adão Mendes, que dá as instruções a Luís Filipe Vieira para oferecer lembranças aos árbitros. No primeiro parágrafo pede para oferecer uma lembrança do Sport Lisboa e Benfica a todos os árbitros e ao observador do jogo entre o Benfica e o Rio Ave
No seguimento do e-mail, o alter ego de Adão Mendes também pede uma prenda especial para o quarto árbitro, Carlos Reis, destinada ao pai do árbitro. O pai de Carlos Reis era técnico do Conselho de Arbitragem da Associação de Futebol do Porto e, por ter apoiado o Benfica, merecia uma prenda especial.
Todos estes casos são demasiado graves e merecem um castigo exemplar. Curiosamente, quando rebentou o caso dos vouchers, nenhum árbitro tinha referido ter recebido mais prendas do que as denunciadas pelo ex-presidente do Sporting, Bruno de Carvalho. Só para relembrar, tinha sido a Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) que tinha dado uma resposta-tipo a todos os árbitros da associação, ou seja, os árbitros em questão nem tiveram oportunidade de explicar quais eram as ofertas que tinham recebido por parte do Benfica ou, então, aproveitaram essa oportunidade para dizer unicamente o que a APAF queria que eles dissessem.

0 comentários: