Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

O que revelam os seus rabiscos...

Junto do seu telefone deve ter um bloquinho cheio de rabiscos. Preste atenção neles. Você vai ficar surpreso(a) com algumas revelações...

Espirais:
Quem desenha espirais não gosta de ficar sozinho. Desenhos assim são feitos, geralmente, por pessoas que gostam de se destacar no grupo e batalham para ter alguma função em qualquer lugar, em qualquer lugar.

Flores:
Se você desenhar flores, é uma pessoa sensível. A sua maneira meio maternal deve fazer muito sucesso entre sobrinhos e primos menores.

Setas:
Desenhar setas significa alguma idéia fixa. Se elas apontarem para baixo ou para esquerda, elas falam de alguma coisa que já passou. Se elas apontarem para a direita, indicam futuro. Se as setas apontarem para cima, você deve estar entediado(a) .

Olhos:
Se desenhar olhos, você é curioso(a) ou está à procura de alguma solução para um problema. O sentido do olhar também é importante: para a esquerda, indica algo no passado; para a direita, mira o futuro. Se você tiver desenhado olhos fechados, é provável que não queira enfrentar uma situação ou não queira admitir algo cruel sobre si mesmo.

Círculos:
O hábito de desenhar círculos indica que você é uma pessoa que se completa, mas gosta de passar bastante tempo com as pessoas. No entanto, se são vários círculos que se sobrepõem, você gosta de ficar na sua. Pode ser, também, que esteja a tentar guardar um segredo. Se você costuma completar o círculo cuidadosamente, deve já ter tido ma´s experiências ao abrir-se com os outros e, agora, tenta fechar-se mais.

Pessoas:
Se você gostar de desenhar caras e bocas, tudo indica que se sinta bem ajustado(a) ao seu mundo. As expressões dessas figuras que surgem do nada também revelam como você está a sentir-se. Ou seja: quem está contente desenha pessoas felizes. Se em vez disso, o que surge no papel são figuras esquisitas, fantasmas, algo deve estar a acontercer de errado na sua vida.

Nomes:
Se você não parar de escrever seu próprio nome, pode ser um jeito inconsciente de demonstrar que está triste ou se sentindo rejeitado(a) pelos outros. Mas pode também significar que você anda muito preocupado(a) consigo mesmo(a) e que, nesse momento, nada mais importa.

Cubos:
Desenhar cubos revela uma pessoa que nada tem de preguiçoso(a). Pelo contrário: você é criativo(a), motivado(a) e gosta de pôr a mão na massa, de participar. Desenhar um cubo dentro do outro demonstra frustração com alguma coisa ou alguém.

Estrelas:
Rabiscar estrelas é um sinal de ambição, de que você tem objectivos bem definidos na sua cabeça. Se as estrelas forem simétricas, você sabe analisar as situações, é curioso(a) e seguro(a) de si. Já as estrelas disformes, assimétricas, indicam que você tem muita energia, mas não sabe bem como usá-la.

Casas:
Desenhar casas significa que está a sentir-se bem no lugar onde se vive. Uma casa aponta para uma sensação de conforto, paz com a família, mesmo que algumas brigas com os irmãos pareçam dizer o contrário. Mas se a casa não tiver janelas nem portas, isso pode indicar uma sensação de pouco espaço.


Linhas:
Linhas rectas são feitas por quem é entusiasmado(a), objetivo(a) e vai direto ao assunto. Linhas em ziguezague ou que se cruzam várias vezes indicam que alguma coisa mexeu muito consigo, mas a sua opção é não pôr o dedo na ferida. Ao menos por enquanto.

Ondas:
Você está pronto para mergulhar em alguma coisa nova, que pode mudar a sua vida. Ondas lembram movimento, expectativa de uma oportunidade especial ou desejo de cair fora, bem depressinha.