Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Eléctrico volta à marginal!

ELÉCTRICO HISTÓRICO REGRESSA À MARGINAL.

CARROS PERDEM UMA FAIXA


O eléctrico vai voltar a circular na marginal do Porto até Matosinhos, num canal a instalar do lado do mar, subtraindo uma faixa aos automóveis, revela o presidente da empresa municipal Águas do Porto.

De acordo com Matos Fernandes, o regresso do eléctrico histórico à frente marítima, entre os jardins do Passeio Alegre (na foz do rio Douro) e a Praça Cidade São Salvador, em Matosinhos, é uma das principais novidades do Plano de Estrutura para a Frente Marítima do Porto que vai ser apresentada publicamente esta terça-feira.
Entre as intervenções a fazer nas praias e nas avenidas Brasil e Montevideu, o responsável destaca a reposição do veículo histórico “num passeio alargado” e num canal próprio colocado junto à ciclovia existente, obrigando a remover uma das faixas de circulação automóvel no sentido Porto/Matosinhos.
Desse lado, a intenção é manter a fila de estacionamento na via pública junto ao passeio e, no trajecto inverso (sentido Norte/Sul), vão preservar-se as 2 vias de rodagem, adiantou Matos Fernandes.
O presidente da Águas do Porto explica estar em causa uma “proposta de plano”, a submeter a uma discussão pública de 15 dias.
“Penso que no fim de Janeiro o plano estará concluído”, observa Matos Fernandes.
O responsável admite que a intenção é prolongar o eléctrico até Matosinhos mas que, para já, a reposição será feita apenas no Porto, num canal com 2 sentidos.
A questão da segurança da circulação pedonal e na ciclovia foi acautelada, e vai ser possível de fazer porque o espaço do passeio do lado do mar será “mais abundante”.
A Câmara do Porto revelou esta segunda-feira que vai “reestruturar profundamente” o trânsito em toda a zona da Foz, nomeadamente na marginal marítima, reduzindo sentidos únicos para encurtar percursos e tornar a circulação mais ecológica.
Fonte oficial adiantou à agência Lusa que diminuir a sinistralidade entre automóveis e peões é outro dos objectivos do Plano de Circulação da Foz que vai ser apresentado na terça-feira pelo presidente da autarquia, Rui Moreira.
A apresentação, aberta ao público, está marcada para as 18h30, no auditório da Universidade Católica do Porto. [daqui]

0 comentários: