Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Aeroporto do Porto foi o que mais cresceu em Portugal no 1.º semestre

(imagem de Miguel Nogueira)

O Aeroporto Francisco Sá Carneiro liderou o crescimento de passageiros nos primeiros seis meses de 2019, tendo registado um tráfego superior a 6,5 milhões de pessoas.

A informação foi avançada pela Vinci Airports, que gere os 10 maiores aeroportos do país. No global, todas infraestruturas nacionais aumentaram o número de passageiros (7,2%), mas efetivamente foi o Aeroporto do Porto que registou a maior subida, na ordem dos 9,9%.

Aliás, a tendência é de crescimento progressivo, já que no primeiro trimestre os números apontam para mais 9,5% de passageiros em relação ao período homólogo do ano anterior, subindo esta percentagem para os 10,3% no segundo trimestre.

Basta que este cenário se mantenha na segunda metade do ano, para que o Aeroporto Francisco Sá Carneiro chegue ao final de 2019 com um novo recorde de passageiros. No ano passado, ficou muito próximo dos 12 milhões de pessoas.

A crescente procura do aeroporto que serve toda a Região Norte do país e também a zona da Galiza, em Espanha, já motivou, aliás, a concretização de um plano de expansão. Assim que concluídas as intervenções, o objectivo é que o Aeroporto do Porto tenha capacidade para receber até 20 milhões de passageiros por ano.

Nos últimos quatro anos, a cidade do Porto deixou de ser um destino dependente de uma ou duas companhias aéreas low cost e passou a ter ligações diretas de longo curso a outros destinos economicamente estratégicos, através de companhias de bandeira, como a Turkish Airlines, United Airlines, British Airways, Air France, KLM, e mais recentemente, com a Emirates.
(daqui)

0 comentários: