Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Efeitos do colonialismo lisboeta na despesa pública

Motorista de governante com salário de 4 mil euros
O motorista do secretário de Estado Paulo Santos (do governo socialista) ganhava em média 4157,26 euros de salário bruto.
Os dados constam no levantamento de despesas do Ministério da Economia e do Emprego: o motorista do ex-secretário de Estado adjunto das Obras Públicas Transportes e Comunicações ganhava 3673,86 euros (ilíquidos), a que somava 483,40 euros mensais de subsídio de risco e de lavagem de viaturas.
O funcionário auferia assim um salário superior ao de um deputado - 3300 euros mais despesas de representação.
Ainda segundo o "Correio da Manhã", o valor do salário englobava horas extraordinárias e o vencimento base no local de origem do motorista - o Metro de Lisboa - "que não é especificado em qualquer documentação".