Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Porto reconhecido pelos FDi Strategy Awards 2018


Há um novo reconhecimento internacional que valida a estratégia do Município do Porto para a captação de investimento externo. Os prémios atribuídos anualmente pela FDi Intelligence, subsidiária do grupo Financial Times, distinguem a cidade nas categorias de "Incentivos" e "Projectos Vencedores".

O grupo de informação económica mais reconhecido a nível mundial, o Financial Times, revelou recentemente, através da FDi Intelligence, a lista dos vencedores dos FDi Strategy Awards 2018. Nela, figuram as entidades e organizações mundiais que no ano passado mais se destacaram "pelas suas actividades de promoção de investimento e de desenvolvimento económico".

Entre as categorias, a Câmara do Porto é distinguida pelos incentivos que tem promovido para a instalação de novas empresas na cidade, uma estratégia que ganhou força a partir de 2015, quando Rui Moreira constituiu a Invest Porto, gabinete de atracção de investimento. Desde a sua criação, já foram apoiados mais de 200 projectos.

Além de figurar entre os vencedores do grupo "Incentivos", o Município recebe o palmarés na categoria "Project Wins" (Projetos Vencedores), pela instalação da multinacional eólica Vestas. Há praticamente dois anos, a empresa de origem dinamarquesa escolheu o Porto entre 99 cidades candidatas para sediar o seu novo centro de projectos de engenharia.

De acordo com declarações recentes do vereador Ricardo Valente, do Pelouro da Economia, Turismo e Comércio, "neste momento, estão em fase de análise projectos de investimento para a região entre 700 a 900 milhões de euros".

Os sectores com maior expansão são os da tecnologia e inovação, sendo que França, Reino Unido e Alemanha são os países que lideram a procura. No sector financeiro e da banca há também um interesse crescente, de que é prova a instalação de gigantes como a Euronext e o banco de investimento francês Natixis.

Mas, entre os 34 países que já escolheram o Porto para instalar os seus negócios, há mais empresas internacionais de peso: BMWTalkdesk, HostelWorld. Ou ainda a Critical Software que, com ADN português, conquistou a NASA. (daqui)

0 comentários: