Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Rés-BES (*)


Não há motivo para alarme. Vai tudo correr bem. Repito: não há problemas que não possam ser resolvidos, só soluções para as quais ainda não foram encontrados os respectivos problemas.
É Verão, altura de passeios em família. Visite o estádio de Leiria, as turbinas eólicas no seu monte de eleição ou conduza um carro eléctrico pela costa alentejana com paragem em Sines, para ver navios. Use o comboio da sua CP para admirar o Alqueva ou aprecie o luxo a bordo da sua companhia aérea num breve e aprazível voo entre Porto e Beja.
Vá para fora cá dentro. E lembre-se: escapou à espiral recessiva e ao segundo resgate, também há-de escapar a isto. Que isto não se aguenta, já se sabe; mas podia ser bem pior e não se aguentar muito menos. E agradeça à família Espírito Santo tudo o que fez por si neste Verão: a possibilidade única de participar no maior safari de elefantes brancos a oeste de Bratislava. Eles confiaram em si e nos seus impostos, confie você também na sua capacidade para continuar a aposta no crescimento.

0 comentários: