Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

1 livro por mês: Janeiro


O meu sábio e muito querido irmão José Luís, surpreende-me todos os anos, pelo Natal, com livros magníficos e sempre com uma envolvente temática muito particular: o PORTO!
Histórias da cidade, da região envolvente, relacionando acontecimentos importantes que nela ocorreram, ficção ou não, baseadas na sua especial atmosfera, figuras, figurinhas e figurões do nosso dia-a-dia, passado e presente, um maná para um nacionalista-portuense como eu. Sim, porque o Porto é uma Nação!
Assim, em cada início de ano, a primeira leitura recai sobre a tão esperada e desejada prenda de Natal. Este ano não foi excepção.
A oferta recaiu no 

Escrito por João Pedro Marques e tendo como pano de fundo o Portugal das Guerras Liberais e o estoicismo das gentes do Porto, cercadas durante mais de um ano pelo enorme e impiedoso exército miguelista, O Estranho Caso de Sebastião Moncada é um romance sobre a importância do acaso e das coincidências na vida humana e sobre a coragem necessária para enfrentar e viver as consequências de um grande amor.



O Autor:
João Pedro Simões Marques é um historiador e romancista português. É reconhecido pelos seus pares como um dos grandes especialistas mundiais em História da escravatura e da sua abolição e um dos mais férteis e considerados autores do romance histórico português, do século XXI

1 comentários:

Caro Kosta,
Aguardo sugestão de leitura de Fevereiro. A de Janeiro foi excelente. Obrigado. Um abraço