Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Scarlet - sempre

Scarlett Johansson (22 de novembro de 1984, Nova Iorque), que tem muitos fãs aqui pelo blog e não só, é filha do arquitecto nova-iorquino Karsten Johansson. Scarlett é de origem dinamarquesa e polaca e tem um irmão gémeo. Detentora de uma beleza reconhecida mundialmente, chegou a ser chamada de "tentação loura" (por lembrar Marilyn Monroe). Recentemente, em Março de 2006, foi eleita pela revista masculina Esquire como a mulher mais sexy do mundo.
Entre outras curiosidades, o seu nome foi uma homenagem à protagonista de E o Vento Levou, Scarlett O'Hara.

A sua carreira como actriz foi lançada na produção teatral Off-Broadway Sophistry, com Ethan Hawke. No Cinema, Scarlett começou em 1994 com um pequeno papel no filme O Anjo da Guarda, de Rob Reiner. No ano seguinte, a actriz interpretou a filha de Sean Connery e Kate Capshaw em Justa Causa. De 1996 a 1999, obteve apenas papéis de pouca visibilidade mas as coisas começaram a mudar quando Scarlett Johansson se envolveu no projecto de vanguarda Ghost World (Mundo Cão no Brasil), de 2000, no qual contracena com Thora Birch, Steve Buscemi e Brad Renfro.
A consagração definitiva de Scarlett Johansson veio com sua participação no elogiado filme de Sofia Coppola, Lost in Translation (Encontros e Desencontros), de 2003.
A partir de Lost in Translation, Scarlett entrou definitivamente para o rol das grandes estrelas de Hollywood.
Em 2004, dividiu os créditos com Dennis Quaid na despretensiosa comédia In Good Company (Em Boa Companhia). No ano seguinte, Scarlett destacou-se no filme de ficção científica The Island (A Ilha) e em Match Point, de Woody Allen.
Para 2006 e 2007, aguarda-se a sua participação em Dália Negra, de Brian De Palma e Bórgia, com direção de Neil Jordan, no qual Scarlett Johansson dará vida à lendária Lucrécia Bórgia.
(baseado em dados da Wikipédia)

Pelos vistos não é só beleza, é também talento.

0 comentários: