Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Veigarices e lampionadas

Transferência de Dani investigada - Mais suspeitas sobre o comportamento de Veiga

Nem só a contratação de João Vieira Pinto pelo Sporting coloca o José Veiga na mira da justiça. A RTP anunciou que a inspecção tributária está a investigar a transferência do jogador Dani do Ajax para o Benfica , no ano de 2000 - no mesmo ano em que foi realizado o negócio que levou João Pinto para o Sporting.
De acordo com a RTP, também no caso da transferência de Dani, os investigadores suspeitam de fraude fiscal.
As investigações a José Veiga tiveram início em 2004, tendo a inspecção tributária passado a pente fino a empresa Superfute - empresa de José Veiga que chegou a estar cotada em Bolsa - nomeadamente no que dizia respeito ao ano 2000 , refere o Correio da Manhã de hoje .
O Benfica, adianta o Correio da Manhã, terá já remetido documentos relativos à transf erência de Dani, principalmente uma declaração de Vale e Azevedo onde os encarna dos garantem que Veiga prestou uma garantia bancária ao Ajax, aceite pelo clube português.


Continuando...

O ex-empresário de futebol José Veiga continua acusado dos crimes de burla qualificada, branqueamento de capitais e fraude fiscal, confirmou hoje à Agência Lusa fonte da Direcção Central de Investigação e Criminalidade Económica e Financeira (DCICCEF). De acordo com a mesma fonte, "mantém-se tudo na mesma", estando José Veiga acusado dos referidos crimes, no âmbito da transferência do futebolista João Vieira Pinto do Benfica para o Sporting. O jornal 24 Horas noticiou hoje que, "com o avançar das investigações, veio a concluir-se que apenas existiam indícios suficientes" para acusar José Veiga de "abuso de confiança". José Veiga foi ouvido segunda-feira no Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa, saindo das instalações em liberdade, sob Termo de Identidade e Residência e mediante uma caução no valor de 500.000 euros e da apreensão de passaporte. O ex-director geral da SAD do Benfica terá participado na transferência, consumada na madrugada de 01 para 02 de Julho de 2000, na qualidade de empresário do jogador, que representou o Sporting durante quatro épocas, tendo sido campeão nacional em 2001/2002. Veiga acusou, entretanto, o Sporting de não ter pago na íntegra os acordos que foram feitos com o internacional português, facto negado quinta-feira, pelo presidente do Sporting, Filipe Soares Franco

Mais Records para o Guiness



Apólice de seguros

Depois de se levar show de bola o que se faz??? Prepara-se o próximo encontro, de forma a que o "show de bola" levado não se repita, e, claro está, há que precaver todas as eventualiades:

Benfica vs. Marítimo : Árbitro: João Ferreira (AF Setúbal)

Lembremos pois:
"Disseram-me que era o Paulo Paraty o árbitro... Agora dizem-me à última hora, vêm-me dizer que já não pode ser o Paulo Paraty por causa do Belenenses", lamentava-se Vieira a Valentim, enquanto respondia às sugestões dadas por este."Não quero Lucílio nenhum! (...) O António Costa?! F... Isso é tudo Porto! (...) O Duarte, nada, zero! (...) O Proença também não quero!".Só o nome de João Ferreira agradou ao presidente do clube da Luz. "O João pode ser",disse, depois de conhecer os candidatos possíveis. A lista era reduzida, porque Pinto de Sousa considerava que o jogo tinha de ser apitado por um árbitro internacional e havia-o dito a Vieira e a Valentim Loureiro.

0 comentários: