Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Andebol: FC Porto arrasa os porcos encornados no primeiro clássico da época.

Foi arrasador, mesmo com a dualidade de critérios dos árbitros, que, à semelhança das meias finais do playoff da época passada, prejudicaram o FC Porto em favor da equipa que, em todas as modalidades exibe um grau de corrupção sem memórias!

36' - Dois minutos para Ricardo Moreira e Salina (FC Porto).
36' - Belone converte o 16-10 a partir da ponta direita. Na sequência da jogada, Spelic também é suspenso por dois minutos. O FC Porto joga com três jogadores de campo.

O FCP vencia por 16-9. De súbito, no mesmo minuto, os árbitros excluem 3 jogadores do Porto e amarelam o banco o que significa nova suspensão de 2 minutos em falta seguinte. UMA VERGONHA!

Não contentes pela não aproximação ao resultado por parte dos lisboetas, mais tarde, numa jogada banal excluem outros dois jogadores do FC Porto na mesma jogada!

A roubalheira do ano passado repete-se. Com uma diferença. Desta vez esmagamos por 26-18 !!!

Por outro lado a pérfida equipa do boifica mostrou várias vezes falta de fair play: festejos com lesão de um jogador do Porto, sim festejos,  e Quintana atingido de raspão na cara, reclama e ... é excluído! Para memória futura, o cão chama-se Moreno!   Nestes dois lances, os árbitros nada assinalaram!

Preparemo-nos, pois.

0 comentários: