Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Hugo Miguel e o Apito Dourado

Pelo menos os adeptos do FC Porto percebem o que vou dizer.
 
Lembram-se da infâmia e das atitudes persecutórias de que o Futebol Clube do Porto e o seu Presidente foram alvo.
O Apito Dourado foi um processo exclusivamente virado a Norte (que os "impolutos" clubes da cpital centralista e colonial eram incapazes de conversar com árbitros, quanto mais aliciar), um processo levado a cabo por uma "senhora" procuradora cujo marido por acaso era apenas o conselheiro fiscal do presidente de um clube lisboeta (bom conselheiro fiscal, diga-se, que até conseguiu que o seu cliente obtivesse e não pagasse um tostão dos 600 milhões da banca agora falida), um processo que "escolheu" especificamente o FC Porto como alvo a aniquilar.
Apoiado por uma imprensa escatológicamente lisboeta (leia-se merda lisboeta) e por um clube da capital, o boifica de lisboa, que, relembre-se e saliente-se, apoiado no Vitória de Guimarães (não, não esquecemos nem perdoamos, ainda que Pinto da Costa e o FCP agora digam que são amigos)
 
Para os ilustres "torquemadas" lisboetas, bastava um agente desportivo ter estado no mesmo restaurante em que Pinto da Costa tivesse estado para logo ver aí um nexo de causalidade e imputar logo o epíteto de corrupção em forma tentada.
Bastava falar em fruta ou chocolate e daí extrair um código criptográfico para determinar compras e favores.
Bastava uma conversa entre pessoas do meio mesmo que, desde que uma delas fosse do FC Porto, para entender actos de corrupção e aliciamento.
 
Como sabem, TODOS, mas TODOS os processos foram ANIQUILADOS pelos tribunais. Nem uma acusação foi lavarada! Curiosamente, todos os tribunais que julgaram eram de lisboa e todos desconsideraram as "supostas e inequívocas provas de corrupção". E ao contrário do que ainda hoje insistem os bois lisboetas, não foi porque as "escutas" telefónicas não tivessem sido consideradas: foi porque as matérias eram tão ridículas e as provas inexistentes, que qualquer causídico recem formado não teria dificuldades em vencer o caso.
 
  • Depois deste vergonheoso folhetim, que a montanha pariu, assistimos a um vice-presidente do sporting-not-lisbon a meter dinheiro na conta de árbitros - isso sim CORRUPÇÃO NA FORMA TENTADA - , mas o clube foi de imediato desresponsabilizado pela generalidade da imprensa, "que não, ele fazia aquilo em nome particular", que nada tinha relação com o clube lisboeta. Não apareceu nenhuma procuradora justiceira e a "justiça" lisboeta arquivou a coisa. Vão à puta que os pariu, digo eu, neste maravilhoso vernáculo portuense aqui tão bem aplicado.
  • Depois disso tivemos conhecimento de milhares de euros pagos em barda pelo clube dos porcos encornados aos árbitros e observadores da Liga de Clubes. Eram jantares e outras ofertas via 'kit-do-moçambicano'. Ofertas generosas mas imaculadas que apenas registavem uma cortesia.  Um jornal espanhol falavam em centenas de milhares de euros!!! Aconteceu alguma coisa? Uma pequenina suspeita? NÃO! e por isso eu repito: Vão à puta que os pariu, neste maravilhoso vernáculo portuense aqui tão bem aplicado.
Nesta altura perguntam vocês: e então onde aparece aqui o Hugo Miguel?
 

CII não vê incompatibilidade na profissão do árbitro Hugo Miguel

Juiz lisboeta é agente da marca desportiva que equipa o Sporting


 
 
Foi este o último sacana que apitou esta época o FC Porto. Se é agente da marca que equipa o sporting vão dizer-me que jamais falou com dirigentes do sporting? Este foi o quinto árbitro em 5 jornadas a prejudicar o FC Porto, fechando os olhos a inúmeras situações de jogo violento sem que a punição tenha sido efectivamente aplicada. O adversário do do FC Porto conseguiu acabar com 11 jogadores!
Depois das teorias de conspiração e das acções persecutórias contra o FC Porto e o seu Presidente, ninguém vê qualquer mal ou de errado naquilo que são EFECTIVOS ACTOS DE CORRUPÇÃO EM QUE A JUSTIÇA, PELO MENOS DESPORTIVA, DEVERIA ACTUAR E PUNIR.
Por isso apenas digo, recorrendo uma vez mais ao excelente vernacular portuense, VÃO-SE FODER!

1 comentários:

eheheheheh excelente

v99