Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Título do próximo disco de Quim Barreiros: "Foram-me ao olho"!

Quim Barreiros com olho negro depois de assalto e agressão nos Estados Unidos


O cantor falou com o site Contacto, dedicado à comunidade portuguesa em Newark, sobre o assalto e a agressão de que foi vítima na cidade norte-americana

"Eu e a minha malta íamos satisfeitos pela rua fora e fomos assaltados. Eu sou um homem de quase 70 anos e a minha pistola não reage como reagia antigamente. Agora precisa de Viagra para reagir", começou por dizer Quim Barreiros. Sem perder a boa disposição, o cantor desvalorizou o incidente ocorrido na semana passada em Newark, nos EUA, onde estava a passar férias.

Com "uma marca preta", como lhe chama, no rosto, o cantor explicou que a mesma foi feita por uma "mama". "Houve uma assaltante que pega numa mama e manda-a contra mim, até me magoou aqui no olho. Deixou-me uma negra porque a mama era negra", brinca. "Quero dizer a todos os meus amigos que assaltos há em todo o mundo, e eu não vou dizer mal de uma cidade como Newark, uma cidade que eu amo e amo os portugueses que lá habitam e que me ajudaram".

Nas declarações que fez em vídeo para o site Contacto, dedicado à comunidade portuguesa daquela localidade em Nova Jersey, nos EUA, refere ainda "está bem". "E a minha malta está melhor", termina.

0 comentários: