Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Parece-me ...

AMIGOS (AS)

Quer um futuro assegurado? Basta-lhe uma caneta para obter milhões, pois quem paga estudos, pareceres, projectos... que sustentam a decisão política dos governantes é o contribuinte!!!

São às dezenas os pareceres encomendados a advogados, sociedade de advogados, assessores, juristas etc e tal…

Olhando para qualquer orçamento do estado verifica-se a inscrição de montantes cada vez maiores para consultadoria proveniente do exterior, enquanto as verbas com despesa de pessoal são cada vez menores.

Estou de acordo com o Bastonário da Ordem de Advogados António Marinho Pinto, quando exige «a realização de concursos públicos para a contratação pelo Estado de serviços de advocacia» como forma de pôr cobro a «situações de promiscuidade entre o poder político e alguns escritórios de advogados»

... Na minha modesta opinião seria uma forma de impedir a muitos governantes quando cessam funções, a obtenção de emprego de altos cargos, nas sociedades de advogados, gabinetes de engenharia, bancos e empresas a quem anteriormente adjudicaram tais estudos e pareceres.

É inadmissível que as eleições suportadas financeiramente por nós contribuintes sirvam no fim das contas, para que alguns através do compadrio e do tráfico de influências transferiram dinheiros públicos para privados, sem qualquer escrutínio por parte do cidadão contribuinte.

Elegemos alguns perfeitos diletantes que supostamente deviam perceber do que não percebem, delapidando os recursos públicos num charco que tresanda a corrupção usando e abusando da paciência dos portugueses(as) que os elegeram com base em promessas meramente populistas.
 
[Lia Almeida]

0 comentários: