Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Datas com História: 14 de Julho de 1789

Revolução Francesa

Os parisienses ocupam a Bastilha, prisão do regime monárquico, e libertam sete prisioneiros políticos. A revolução francesa de 1789 surgiu na sequência do iluminismo francês. Em causa estavam o Antigo Regime e a autoridade do clero e da nobreza na França. A Guerra da Independência nos EUA de 1768 tinha servido de exemplo aos ideais de liberdade e igualdade. Além do mais, a França passava por um período de crise económica após anos de prosperidade. A participação francesa na guerra da independência norte-americana e os elevados custos da Corte de Luís XVI tinham deixado as finanças do país em mau estado.

A convocação de Cortes pelo rei, com o fim de anunciar o aumento dos impostos para fazer face àquelas dificuldades financeiras acabaria por desencadear a Revolução.

A revolução deu início à era moderna na França. Acabou com o feudalismo na França e proclamou os princípios de "Liberdade, Igualdade e Fraternidade" (Liberté, Egalité, Fraternité). Acabaram também os privilégios da nobreza e do clero e começaram a imperar os ideais igualitários.

O sociólogo do século XX Raymond Aron escreve em "O ópio dos intelectuais" o seguinte a propósito da revolução francesa, comparando-a com a evolução da Inglaterra:

A passagem do Ancien Régime para a sociedade moderna é consumada em França com uma abruptidão e uma brutalidade únicas. Do outro lado da Mancha (em Inglaterra), o regime constitucional foi instaurado progressivamente, as instituições representativas advêm do parlamento, cujas origens remontam aos costumes medievais. No século XVIII e XIX, a legitimidade democrática se substitui à legitimidade monárquica sem a eliminar totalmente, a igualdade dos cidadão apagou pouco a pouco a distinção dos "Estados" (Nobreza, clero e povo). As ideias que a revolução francesa lança em tempestade através da Europa: soberania do povo, exercício da autoridade conforme a regras, assembleias eleitas e soberanas, supressão de diferenças de estatutos pessoais, foram realizadas em Inglaterra, por vezes mais cedo do que em França, sem que o povo, em sobressalto de Prometeu, sacudisse as suas correntes. A democratização foi ali (em Inglaterra) a obra de partidos rivais".
..."O Ancien Régime desmoronou-se (em França) de um só golpe, sem quase se defender, e a França precisou de um século para encontrar outro regime aceite pela grande maioria da nação."


Wikipédia