Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

Universidade do Porto é uma das melhores do mundo em 22 áreas

A Universidade do Porto (UP) está entre as melhores do mundo. Quem o diz é o QS World University Rankings by Subject 2018, um conceituado ranking internacional de ensino superior, elaborado pela Quacquarelli Symonds (QS), e que coloca a instituição entre as 300 melhores do planeta em 22 áreas de estudo.
©DR

A UP destaca-se em áreas como arquitectura, desporto, engenharia civil e engenharia química

Para a elaboração desta edição, o QS World University Rankings by Subject analisou mais de 4.200 universidades e 10.000 cursos de todo o mundo. Avaliou 48 áreas/disciplinas, agrupou-as em cinco grandes temáticas, e serviu-se dos seguintes indicadores de qualidade: a reputação académica, a reputação entre empregadores e a produção científica.
Num plano mais geral, na área das Engenharias e Tecnologia a UP está em 135º lugar, a melhor classificação de uma universidade portuguesa. Na área das Ciências da Vida e Medicina alcançou a 227ª posição, em Ciências Sociais e Gestão a 280ª, Artes e Humanidades a 295ª e Ciências Naturais a 302ª.  
Segundo a Universidade do Porto estes resultados representam uma subida acentuada, em relação a 2017, da posição da Universidade em todas estas cinco grandes áreas temáticas. Ou seja, das 48 áreas de estudo analisadas pelo ranking, a UP foi mencionada em 22.
As áreas mais bem classificadas são Arquitectura, Desporto, Engenharia Civil e Engenharia Química, que colocaram a instituição entre as 51 e as 100 melhores universidades do mundo. Já os cursos de Agricultura, Ciências do Ambiente, Farmácia e Farmacologia ficaram entre as 101 e as 150.
Seguem-se os de Engenharia Mecânica, Ciências de Computadores e Sistemas de Informação, e Engenharia Electrónica que estão colocados entre as 151 e as 200, assim como os de Arqueologia, Arte e Design, Línguas Modernas, Química e Educação.
No patamar das 201 e das 250 melhores universidades, a UP está representada com as áreas da Linguística, Medicina e Ciências Materiais. Entre as 251 e as 300 melhores estão Economia, Matemática e Ciências Biológicas. No “top 450” está ainda representada com Física e Astronomia.
A universidade melhorou a sua pontuação média em todos os indicadores utilizados pela QS, destacando-se o da reputação entre empregadores – que mede a opinião dos mesmos em relação à qualidade da preparação dos alunos.
Num ano em que Portugal surge destacado como “o país europeu com a melhoria mais significativa no último ano", a UP é a segunda instituição portuguesa com mais referências, ficando apenas atrás da Universidade de Lisboa, mencionada em 29 áreas.

0 comentários: