Kosta de Alhabaite

Nortenho, do Condado Portucalense

Se em 1628 os Portuenses foram os primeiros a revoltar-se contra o domínio dos Filipes, está na hora de nos levantarmos de novo, agora contra a colonização lisboeta!

7º aniversário da Casa do FC Porto em Espinho

Eis uma parte do discurso do Nosso Grande Presidente, Sr. Jorge Nuno Pinto da Costa:


"Podem contar comigo sem qualquer receio, porque sempre darei o meu apoio ao FC Porto. Não há nada, nem ninguém que faça mudar o meu caminho em prol do FC Porto.
Hoje mesmo, estive na Polícia Judiciária para o qual fui convocado para ser testemunha na semana passada em determinada questão.
Estive lá muito tempo, muito tempo mesmo, 3 horas (!) porque avariaram-se as impressoras… devem ter ficado intimidadas com a minha presença. Três horas para serem escritas 2 páginas!!!
Mas como estou habituado e preparado para tudo, de lá saí como entrei; de consciência tranquila e como testemunha. Quando cheguei cá fora, apesar de toda a confidencialidade da matéria e da forma como fui solicitado e convocado para lá estar, quando saí eu julguei que era alguma manifestação, fiquei sem saber se era pelo SIM ou pelo NÃO!!!. Eram os jornalistas de todas as televisões, de todas as rádios e de todos os jornais que tinham adivinhado que eu lá estava -
não há dúvida nenhuma que a nossa comunicação social é muito inteligente!
Saí e fiz questão de não faltar a esta festa, a qual tenho de me ausentar daqui a pouco, pois eu e na companhia do Sr. Reinaldo Teles temos de ir trabalhar ainda, porque amanhã, pelas 10h00 da manhã temos de entregar uma exposição para ver se aqueles que dirigem o nosso futebol me sabem explicar o porquê de que para os jogos do FC Porto fora são requisitados árbitros não internacionais, e para os outros clubes, árbitros internacionais.
Como nós não conseguimos compreender, temos de recorrer a quem sabe mais do que nós.
Vão certamente ter argumentos que nos vão convencer de que de facto o Sr. Elmano Santos deve continuar a arbitrar todos os meses o FC Porto.
Podem dizer tudo o que quiserem.
Eu serei sempre o mesmo em defesa do FC Porto.
Não me incomoda nada saber, como soube hoje ao chegar ao Estádio do Dragão, que haviam
faxes que diziam que eu estive na Polícia Judiciária para ser ouvido no processo Casa Pia! - esse não é o meu forte, podem ter a certeza. Que mais me vão acusar?!
Para terminar, vou transmitir tudo o que penso, tudo o que quero, tudo o que sinto através de um poema dedicado a todos vós, um poema de José Régio..."

0 comentários: